Skip to content

vírus

03/05/2009
Terrence Tumpey, Vírus da gripe dita espanhola de 1918, Public Health Image Library

Terrence Tumpey, Vírus da gripe dita espanhola de 1918, Public Health Image Library

João Vasconcelos Costa,  professor de virulogia e biologia molecular, tem uma página onde está a actualizar comentários à evolução da gripe que começou por ser dos porcos, passou a suína, fugiu de ser mexicana, e  a quem ontem  a comunicação chamava de tipo A, hoje ainda não reparei.

Tudo muito bem explicado, qualidade médica sempre a prezar, a fonte de informação que se pedia para encontrar na rede em tempos de peste.

Como era de esperar chovem-lhe dúvidas e angústias:

Tenho respondido às centenas de mails que estou a receber. Mas perguntarem-me, como hoje, se, no caso de um vírus que se transmite oralmente, é seguro telefonar, acho que é gozo de quem não tem mais nada para fazer.

Não teria tanta certeza de ser gozo. Vai para quase 20 anos, mas foi em Portugal, deu-me para meter computador e impressora numa sala de professores, o que na época não era exactamente uma coisa que já tivesse acontecido, e uma professora manifestou junto do Directivo a sua preocupação por, sabendo-se terem os computadores vírus, haver risco de contágio.

Quando conto isto ouço sempre que a anedota  já é velha, e sinto que ainda vivo nesta anedota.

Anúncios

Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: